quarta-feira, 22 de outubro de 2014

O que não nos mata, torna-nos mais fortes

Fazer a VCI para lá e para cá duas vezes com dois dias de intervalo e em dia de jogo no Dragão, desenvolve nervos de aço. Agora, para testar o ganho desta resistência sobrenatural, vou ouvir o Du hast dos Rammstein e tentar contrariar a vontade (reflexo) de me esconder num canto em posição fetal.

10 comentários:

  1. Sim, ouvir Rammstein ajuda sempre!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Conheço muita gente que diz isso, mas a mim os Rammstein assustam-me. A sério, causam-me taquicardia!

      Eliminar
  2. Esse esquema, a terminar com os Rammstein, era coisa para me pôr a babar os meus próprios joelhos, e a ouvir os meus gemidos como se fossem de outra pessoa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Terias que ser imortal para conseguir sobreviver às causas e efeitos do esquema!

      Eliminar
    2. Ou conformar-me a viver o resto dos meus dias de camisa de forças (desde que mas deixassem personalizar, não era assim tão má ideia...)
      Pronto, era o meu fim.

      Eliminar
    3. Felizmente, não se irá concretizar e não será o teu fim :)

      Eliminar